PUBLICIDADE
Urna suspeita (de novo) dá vitória a Eurico no Vasco
08/11/2017 09:11 em Esportes
LANCE! Espresso  - grupolance@maillancenet.com.br por email em 08/11/2017 – 08h17 – A imagem da capa do site Multisom foi retirada de arquivos da internet 

De segunda a sexta, uma seleção de notícias do LANCE! com análises de Luiz Fernando Gomes (lfgomes@lancenet.com.br)

 

Outra vez na Justiça

 

Quem é o novo presidente do Vasco? Eurico Miranda, apuradas as urnas nesta madrugada, auto proclamou-se mandatário para mais um triênio. Mas a eleição do Cruz-Maltino, mais uma vez, só será decidida na Justiça. Eurico venceu com 2.111 votos, contra 1.975 da chapa de Julio Brant e 421 da chapa de Fernando Horta. O problema, contudo, está na urna 7, considerada suspeita. O grande número de sócios que entraram no clube num mesmo período – novembro e dezembro de 2015, limite máximo para votar na eleição – e o resultado completamente distorcido em relação às demais, fez a oposição pedir sua anulação. Se a Justiça acatar, o resultado será outro: Julio Brant terá 1.935 votos contra 1.683 de Eurico. Isso explica a razão de as duas chapas terem feito festa ao final a apuração. O imbróglio não é novidade. Suspeitas de fraude são uma rotina nas eleições vascaínas. E a votação de sócios sem condições estatutárias ou que foram cooptados às vésperas do processo eleitoral sempre foi a arma de Eurico e seu grupo para influenciar no resultado das urnas. Por várias vezes a Justiça foi chamada a decidir. O resultado agora é incerto. Mas, qualquer um que seja o vencedor, o Vasco já perdeu. As feridas de mais uma eleição suspeita só serão cicatrizadas com mudanças concretas nos processos do clubes, sua modernização, democratização e a garantia de transparência da gestão. Tudo o que nunca interessou a Eurico Miranda. Tudo o que a oposição, dividida e personalista, nunca teve forças para mudar.

Meninos da Gávea

 

Chegou a hora. O Flamengo promoveu definitivamente o jovem atacante Lincoln, de apenas 16 anos, ao elenco profissional. O garoto está relacionado para a partida desta quarta-feira contra o Cruzeiro, na Ilha do Urubu, e recebeu muitos elogios de Reinaldo Rueda. “Tem muito futuro, grande talento, boa técnica, muito cerebral, muito equilibrado, com grande condição técnica e dom para o gol”, derreteu-se o treinador. Agora no time principal, Lincoln vai reencontrar Vinicius Jr. Na base, a dupla fez sucesso desde cedo. No Mundial Sub-17, que aconteceu na Índia no último mês, Lincoln marcou belos gols e chamou a atenção de grandes clubes europeus. A multa rescisória do atleta supera a casa dos R$100 milhões. Sem Guerrero e Berrío, a maioria das opções para o ataque do Flamengo que Rueda tem agora são da base. Além de Lincoln e Vinicius Jr, também Lucas Paquetá, Felipe Vizeu e Matheus Savio foram formados dentro do clube. Um verdadeiro resgate da tradição Rubro-Negra de revelar grandes talentos que, outrora, gerou até um slogan repetido com orgulho pelo torcedor : “Craque o Flamengo faz em casa”.

 

Del Nero x Romário

 

Com Igor Siqueira. O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, e o senador Romário (Pode-RJ) estão em uma nova batalha judicial. O dirigente processa o Baixinho por dano moral e quer uma indenização de R$ 10 mil. A ação tramita no Tribunal de Justiça de São Paulo. O advogado de Del Nero é José Mauro Couto Filho: “É direito constitucional. O cidadão não é obrigado a ouvir xingamentos e não fazer nada“, disse Couto, citando palavras usadas por Romário no programa “Bem, Amigos”.
O juiz Regis de Castilho Barbosa Filho, da 41ª Vara Cível,  responsável pela ação, de cara já refutou marcar audiência de conciliação “por não vislumbrar a possibilidade de composição consensual”. A Justiça deu um prazo de 15 dias úteis para a defesa do senador. Romário já foi processado por Del Nero antes e condenado pelo mesmo TJ-SP a pagar R$ 20 mil. O caso mais recente foi a tentativa da CBF de barrar a publicação do livro do Baixinho não acatada na Justiça.
 

Caso Guerrero. A defesa do atacante está otimista de que é possível livrá-lo de uma pena mais pesada. Os advogados vão defender a hipótese de que o camisa 9 do Peru e do Flamengo tomou um chá contaminado com a substância ativa da cocaína. O jogador estava gripado antes da partida contra a Argentina e fez uso desse tipo de “medicamento”. Se a alegação for acatada, Guerrero se livra da punição por doping social intencional – pela qual pode pegar até quatro anos de suspensão – e pode até ser apenas advertido pela Fifa. Agora, o atacante espera a abertura do exame da contraprova a qual tem direito, o que vai acontecer amanhã. O bioquímico Luiz Carlos Cameron, indicado pela defesa, vai acompanhar o procedimento na Alemanha.

Botafogo. Em reunião na noite de ontem o Conselho Deliberativo do clube aprovou a compra do Espaço Lonier, em Vargem Pequena, na Zona Oeste do Rio, onde será construído o CT alvinegro. O contrato será assinado amanhã. A operação acontece graças a um investimento dos irmãos João Moreira Salles e Walter Salles que emprestaram R$ 25 milhões para a viabilização do projeto, garantindo inclusive as obras da infra-estrutura. O clube terá 30 anos para quitar a dívida. O espaço abrigará uma escola e as categorias de base. Seis campos de futebol serão construídos.

Fluminense. Abel Braga ganhou um problema para a reta final do Brasileirão: o volante Richard teve um estiramento na panturrilha esquerda confirmado ontem pelos médicos e está fora dos próximos jogos do Tricolor. O jogador sofreu a lesão diante do Botafogo, no sábado, na vitória por 2 a 1. Contratado em agosto, Richard virou titular rapidamente e já fez 10 jogos pelo Flu. Orejuela, Wendel, Mateus Norton e Marlon Freitas são as opções do elenco para substitui-lo amanhã, contra o Coritiba, no Maracanã.

São Paulo. O atacante Lucas Pratto, recuperado de dores na coxa direita, trabalhou normalmente ontem no CT da Barra Funda e está confirmado para enfrentar a Chapecoense amanhã, no Pacaembu. A maior novidade do dia foi a volta do lateral-direito Bruno, que não joga há mais de três meses devido a dores na coluna. Ele recomeçou a fazer exercícios físicos, no campo, acelerando sua recuperação. Com Militão contundido, Araruna deve continuar na posição, embora o zagueiro Aderllan tenha se oferecido para jogar ali.

Atlético-MG. O Galo treinou ontem visando a partida contra o Atlético-GO, amanhã no Independência e ao menos  uma novidade no time está confirmada: a entrada de Valdívia na vaga do suspenso Otero. Mas o técnico Oswaldo de Oliveira pode promover ainda outras mudanças, como a escalação de Yago no lugar do volante Adilson, que foi poupado da atividade e tem presença incerta no confronto.

Internacional. Uma das principais organizadas do clube, a Nação Independente foi suspensa dos estádios por 90 dias pela Justiça do Rio Grande do Sul. A decisão teve por base imagens apresentadas pelo Ministério Público que mostram integrantes da torcida agredindo outros torcedores do clube, não filiados a ela, durante o empate em 0 a 0 contra o CRB, na sexta-feira.  Com a suspensão, o uso de uniformes ou qualquer outro adereço com símbolos da Nação está proibido no Beira-Rio. O sistema de identificação biométrica vai ajudar a vetar a entrada de membros do grupo acusados de violência.

Fatos e versões

 

O futebol brasileiro é uma fonte inesgotável de notícias – ou de meras especulações – para alimentar a imprensa esportiva espanhola. Volta e meia, jogadores daqui aparecem nas páginas e sites de lá como alvo dos grandes clubes. Dessa vez, Arana, do Corinthians, é que está em alta. De acordo com o jornal "Sport", da Catalunha, o lateral-esquerdo do Timão entrou na mira do Barcelona. O jornal destaca que uma transferência poderia ocorrer até mesmo na janela de janeiro, já que o alvinegro atravessa situação financeira delicada. O "Sport" chama Arana de "Novo Marcelo", e afirma que Atlético de Madrid e Sevilla também querem o jogador.

América-MG 2 x 0 ABC. O Coelho fez o que se esperava. E o que a torcida do Internacional temia. Com a vitória de ontem no Independência, com gols de Giovani e Rafael Lima, os mineiros se igualaram ao Colorado com 63 pontos no topo da tabela da Série B. O time gaúcho, contudo, por ter uma vitória a mais, continua na liderança. Os dois podem confirmar o acesso à Elite já na próxima rodada, dependendo de uma combinação de resultados.

Outros jogos que completaram a 34ª rodada:
Brasil de Pelotas 2 x 0 Paraná, Criciuma 2 x 0 Boa; Vila Nova 1 x 1 Santa Cruz; Oeste 1 x 1 Figueirense, Londrina 2 x 0 Goiás; Náutico 1 x 3 Paysandu; CRB 2 x 0 Juventude e Ceará 2 x 2 Guarani.

Atlético-PR x Corinthians. Por conta do desgaste do Dérbi, a comissão técnica do Timão optou por preservar os titulares de domingo e nenhum deles treinou ontem. Assim, Fábio Carllle ainda não definiu a escalação. O volante Maycon, porém, está certo no lugar de Gabriel, suspenso. Outros desfalques já confirmados são Cássio, convocado pela Seleção Brasileira, e Jadson, que levou o terceiro amarelo. O goleiro Walter fará sua primeira partida como titular este ano. No Furacão, os desfalques são Guilherme que, emprestado pelo Corinthians não pode jogar por questões contratuais e, Sidcley, suspenso. 
 
Santos x Vasco. O lateral-esquerdo Caju terá mais uma chance como titular do Peixe, hoje na Vila Belmiro.  O camisa 22 foi bancado pelo técnico Elano após a partida contra o Atlético-MG. Jean Mota, Matheus Jesus e Copete, que ficaram de fora, voltam a ser relacionados mas vão começar no banco. A grande preocupação do treinador é o número de jogadores pendurados: Lucas Lima, Bruno Henrique, Ricardo Oliveira, David Braz e Vanderlei vão entrar em campo com dois cartões amarelos. No Vasco, os desfalques de Zé Ricardo são muitos. Martín Silva, Luis Fabiano e Madson estão suspensos e Anderson Martins, machucado.
 
Flamengo x Cruzeiro. Será o primeiro confronto entre os dois, depois da decisão da Copa do Brasil, quando os mineiros levaram a melhor.  Na Ilha do Urubu, a principal novidade na equipe celeste deve ser o retorno de Rafael Sobis que treinou normalmente nesta semana. Mas Mano Menezes terá os desfalques de Rafinha, suspenso, e Arrascaeta, convocado pela Seleção Uruguaia. No Rubro-Negro, Guerrero, envolvido no caso de doping; Juan, contundido; Trauco, que está com a seleção peruana; e Diego, outra vez chamado por Tite, são os desfalques. Rafael Vaz e Rhodolfo voltam a formar a zaga, com Renê na lateral-esquerda. Vinicius Junior deve sair jogando no lugar de Diego, com Everton Ribeiro deslocado para o meio.
 
Vitória x Palmeiras. O comando do ataque é o problema do técnico Alberto Valentin. Borja está com a seleção colombiana e Deyverson cumpre suspensão pelo cartão vermelho recebido no Dérbi, domingo. Willian seria a opção, mas ainda permanece em transição, não tendo recuperado a forma física. Assim, Erik, que já foi improvisado como centroavante, deve ser o titular do Verdão.O goleiro Jaílson, reserva de Fernando Prass, não  viajou com o elenco, pois está com conjuntivite. No Rubro-Negro, o desfalque é Neílton que está suspenso. O técnico Vagner Mancini ainda tem dúvidas entre José Welison e Uillian Correia, no meio, David e Kieza, na frente.
 
Sport x Botafogo. O time comandado por Jair Ventura terá o retorno do meia João Paulo, que estava suspenso. Já o Leão não conta com Diego Souza, que está com a Seleção Brasileira,  Anselmo e Patrick que estão suspensos. Em contrapartida, o treinador Daniel Paulista terá a volta de Samuel Xavier e Ronaldo Alves. O Alvinegro precisa da vitória para permanecer na zona de classificação da Libertadores. O Sport, primeiro fora do Z4, briga para se livrar da ameaça de rebaixamento.
 
Ponte Preta x Grêmio. De olho na Libertadores, o técnico Renato Gaúcho segue dosando a escalação do Tricolor para evitar um desgaste maior do elenco. Dessa vez, Cortez e Lucas Barrios, que ainda se recuperam de contusão devem ser poupados. O atacante Everton, destaque da virada sobre o Flamengo, domingo, pode começar como titular. Na Macaca, Eduardo Baptista conta com o retorno do volante Naldo, do meia Danilo Barcelos e dos atacantes Emerson Sheik e Léo Gamalho. Porém, Nino Paraíba, suspenso pelo terceiro amarelo, e Wendel, contundido, serão desfalques.

Avai x Bahia. Embalado desde a chegada de Paulo Cesar Carpegiani, o Tricolor vai à Ressacada com apenas um desfalque: o zagueiro Lucas Fonseca que acusou um incômodo na coxa direita e não foi relacionado para o jogo. Já os donos da casa, goleados pelo Coritiba no fim de semana, terão várias mudanças. Maicon entra no lugar de Leandro Silva, suspenso, na lateral direita e João Paulo retorna após o terceiro cartão amarelo na vaga de Capa, pela esquerda. Uma nova derrota pode custar o cargo do técnico Claudinei Oliveira.

Blog do Capretz: O Palmeiras perdeu do Corinthians porque a arbitragem errou, sim mas porque o Corinthians teve mais força e foi mais eficiente. Chega de por a culpa sempre no outro. De dizer que somos sempre prejudicados e garfados.

Marcelo Bechler: O drama de David Luiz: de titular absoluto, passando por gandula, até não ficar nem no banco do Chelsea,

Gostou? Encaminhe para um amigo
Copyright © 2017 LANCE!, Todos os direitos reservados.
Você está recebendo este email porque cadastrou seu email no nosso site.

LANCE!
lance.com.br
Brasil

Se ainda não é assinante se inscreva aqui
Para atualizar seus dados, clique aqui
Deseja parar de receber nossos emails? Clique aqui

Email Marketing Powered by MailChimp
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE